Palmas, Tocantins -

Política


Eleição mesa diretora
286 visualizações

Simone Tebet é escolhida pelo MDB para disputar presidência do Senado

Se for eleita, Simone Tebet será a primeira mulher a presidir o Senado
- Atualizada em
Descrição: Senadora Simone Tebet (MDB-MS) Marcos Oliveira/Agência Senado

O MDB decidiu nesta terça-feira, 12, escolher a senadora Simone Tebet (MDB-MS) como candidata à presidência do Senado. A eleição está marcada para o dia 1º de fevereiro.

 

Simone é a atual presidente da Comissão de Constituição e Justiça  (CCJ) do Senado e foi líder do MDB na Casa no ano de 2018. Se for eleita, Tebet será a primeira mulher a presidir a Casa. 

 

O principal adversário da senadora na disputa é Rodrigo Pacheco (DEM-MG), apoiado pelo atual presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

 

Além de Simone, o líder do governo no Congresso, Eduardo Gomes (TO); o líder da bancada, Eduardo Braga (AM); o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (PE) também eram nomes cotados para disputar a presidência. 

 

O anúncio da candidatura foi feito em Brasília pelo líder do MDB no Senado, Eduardo Braga (AM), após solenidade de filiação ao partido dos senadores Veneziano Vital do Rêgo (PB) e Rose de Freitas (ES).

 

Com esses dois novos quadros, o MDB, que já tinha a maior bancada da Casa, passa a contar com 15 senadores.

 

*Matéria com informações do Congresso em Foco e Correio Braziliense

 

Notícias sobre:

simone tebet mdb presidência senado