Palmas, Tocantins -

Meio Ambiente


Ação
641 visualizações

Estado prevê investimentos de R$ 3 milhões em preservação ambiental

Secretário Estadual do Meio Ambiente destacou a importância de parcerias entre o Estado, Prefeitura de Palmas e iniciativa privada para a proteção do meio ambiente.
- Atualizada em

 

Durante a assinatura do termo de cooperação entre Prefeitura de Palmas e Saneatins, com o objetivo de recuperar o aterro sanitário da capital, realizada na manhã desta quarta-feira, 23, no Paço Municipal, o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Divaldo Rezende, destacou as ações e investimentos do Governo para a solução de problemas como este.

Especificamente sobre o aterro, o secretário citou que existem alguns exemplos de gestões com a participação público/privada que podem ser a solução para o assunto discutido. “Aqui mesmo no Tocantins temos o exemplo da atuação da Saneatins, que aliada a Agência Tocantinense de Saneamento caminha para a universalização do saneamento e esgotamento sanitário”, destacou, acrescentando que as parcerias possibilitam ao Governo se concentrar em outras questões que também são primordiais para o bem estar da população.

Ações a partir de Palmas

Para Divaldo, a discussão que a Prefeitura de Palmas lançou é muito importante porque o Estado está preparando o Plano Estadual de Resíduos Sólidos. “O Governador assinará um convênio na ordem de R$ 2 milhões com a Caixa Econômica Federal no início de fevereiro, para ser gerido dentro do plano, e como Palmas é o maior ponto populacional do Estado é importante que comecemos as ações a partir dela”, afirmou.

O secretário convidou o prefeito Carlos Amastha, sua equipe e os órgãos envolvidos no processo de gestão dos resíduos sólidos para participarem do Seminário de Desenvolvimento Sustentável para a Amazônia em Cooperação com a Espanha, que será realizado pelo Governo do Estado no dia 1° de fevereiro, contará com a presença do ministro da Agricultura e Meio Ambiente da Espanha, Miguel Arias Cañete, e mais onze empresários destas áreas que têm interesse em se instalar e cooperar com o Tocantins.

 

Divaldo também destacou o convênio que o Governo deve assinar com a Agência Nacional das Águas no início de fevereiro no valor de R$ 780 mil, que beneficia a Prefeitura de Palmas e a Foz Saneatins – Agência de Saneamento do Tocantins com o Projeto Taquaruçu - Uma Fonte de Vida, que trata de pagamentos por serviços ambientais que já existem e que visa a recuperação do córrego Taquaruçuzinho, que abastece a Capital.

 

Aldenes Lima - Secom