Palmas, Tocantins -

Meio Ambiente


Técnicos
714 visualizações

Semades capacita técnicos em Elaboração de Projeto e Captação de Recursos

A oficina de Elaboração de Projetos no MPE foi realizada por técnicos da Semades. No curso foram tratados assuntos relacionados à elaboração, gestão de projetos e captação de recursos.
- Atualizada em

Técnicos da Semades – Secretaria do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável ministraram a Oficina de Elaboração de Projetos no MPE - Ministério Público Estadual, em Palmas. A capacitação  foi realizada à convite do Ministério, especialmente aos técnicos do Caoma - Centro de Apoio Operacional de Meio Ambiente do MPE, do Ciea – Comissão Interinstitucional de Educação Ambiental e de órgãos interligados. O curso com carga horária de oito horas aconteceu por todo o dia, onde foram tratados assuntos relacionados à elaboração, gestão de projetos e captação de recursos.

 

A diretora de Gestão de Fundos e Fomento de meio Ambiente e Recursos Hídricos, Ândrea Bagoim, relacionou o convite a um dos resultados da realização dessa oficina durante a Flit Regional (Feira Literária Internacional do Tocantins). “Nós recebemos um convite do Ministério Público para que pudéssemos colaborar com alguns técnicos do próprio órgão e também do CIEA – Comissão Interinstucional de Educação Ambiental referente a elaboração, gestão de projetos e captação de recursos. E consideramos que essa iniciativa seja um resultado das capacitações oferecidas durante a Flit Regional, onde iniciamos a realização dessa oficina. Então para ministrar essa capacitação a Semades enviou o coordenador de Elaboração e Gestão de Projetos da Semades, Fábio Strieder, que cooperou nas regionais da Flit com bastante êxito e a coordenadora de Normatização e Difusão Institucional de Fundos Ambientais, Luciana Gaspar, que é responsável pelo caderno de fontes de financiamento”, esclareceu Ândrea.

 

O coordenador de Elaboração e Gestão de Projetos da Semades, Fábio Strieder, considerou essa iniciativa um primeiro e importante passo no avanço da qualidade técnica dos participantes. “Foi interessante o convite para ministrar essa oficina, acredito que conseguir provocar o interesse dos participantes em aprimorar seus conhecimentos na elaboração de projetos e captação de recursos, nos mostra a vontade e o compromisso das equipes em alcançar melhores resultados. É claro que quando se fala de conhecimento tudo isso requer uma continuidade, então podemos considerar que esse é um importante primeiro passo”, avaliou Fábio.

 

A assistente Social do Caoma, Arlete Silva Ribeiro, comentou a importância do curso para os participantes. “A equipe do Caoma está à frente do projeto da Comissão Interinstitucional, por esse motivo surgiu a demanda de aprimorar os conhecimentos quanto a captação de recursos financeiros. Nessa proposta solicitamos esse curso a Semades, por estar com uma equipe qualificada nessas ações. Eles estão conseguindo repassar bem o conteúdo, o público presente está participando ativamente e todos estão se mostrando bastante interessados”, relatou a assistente que enfatizou. “O curso está trazendo um conteúdo muito rico e os participantes se mostraram bastante motivados, porque irá favorecer o trabalho desenvolvido pelos técnicos tanto no âmbito institucional, com o fortalecimento das ações do MPE junto a outros órgãos, quanto nas ações junto aos municípios onde atua o projeto”, concluiu Arlete.

(Da assessoria)

Notícias sobre:

semades palmas tocantins