Inclusão Digital é oferecida pelo Senar a socioeducandos do Centro de Internação

No curso os alunos tiveram a oportunidade de aprender e colocar em prática as novas tecnologias e inovações aplicadas na área da informática

O curso teve a participação de 31 alunos
Descrição: O curso teve a participação de 31 alunos

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (Senar/TO), atendendo a uma demanda do Departamento de Proteção dos Direitos Humanos e Sociais da Secretaria de Cidadania e Justiça do Estado Tocantins, realizou, de 18 a 21 deste mês, o Curso de Inclusão Digital para socioeducandos do Centro de Internação Provisória, localizado no município de Santa Fé do Araguaia, região Norte do Tocantins. O curso, que é realizado na Unidade Móvel de Inclusão Digital, teve a participação de 31 alunos e contou com a parceria do Sindicato Rural de Araguaína. Pela quantidade de participantes, as aulas aconteceram nos turnos da manhã, tarde e noite.

 

No curso os alunos tiveram a oportunidade de aprender e colocar em prática as novas tecnologias e inovações aplicadas na área da informática. Para a superintendente do Senar Tocantins, Rayley Luzza, a realização desta capacitação também faz parte da missão do Senar, que inclui a promoção social agregada a formação profissional. 

 

“Esta demanda para a realização do curso partiu dos próprios alunos, que vêm na informática uma real possibilidade de inclusão social através do mercado de trabalho. Estamos formando profissionais que, inclusive, poderão atuar no campo e ter mais oportunidades de crescimento profissional e pessoal”, destaca a superintendente.

 

O juiz da Vara da Infância e Juventude da Comarca de Araguaína, Herisberto e Silva Furtado Caldas, justifica a solicitação explicando que o Tocantins é um Estado essencialmente agropecuário, e esse curso vai contribuir para preparar os adolescentes para um futuro digno e dentro de um mercado em que a necessidade da mão de obra especializada é crescente.

 

O Programa Inclusão Digital Rural é oferecido pelo Senar com o objetivo de oferecer oportunidade ao homem do campo e suas famílias de obterem informações básicas de informática, novas tecnologias e ferramentas de gestão, contribuindo para que os produtores rurais alcancem eficiência e aumento da produtividade nas atividades desenvolvidas nas propriedades rurais.

 

 

 

Comentários (0)