Palmas, Tocantins -

Plantão de Polícia

Ver comentários
Em Araguaína
892 visualizações

Operação Varredura prende 31 acusados de furto, roubo, estupro e outros crimes

A operação tem como objetivo principal dar cumprimento a mandados de prisões de pessoas acusadas pela prática de variados crimes em Araguaína.
- Atualizada em
Mais de 30 pessoas foram presas na Operação Divulgação/SSP-TO

A segunda fase da Operação Varredura da Polícia Civil do Tocantins, por meio de uma ação conjunta realizada pela Delegacia Interestadual de Capturas (Polinter) e 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Araguaína foi deflagrada nesta terça, 10, e quarta-feira, 11, e levou para a cadeia  31 pessoas acusadas pela prática de crimes diversos, em Araguaína, norte do Estado.

 

A operação tem como objetivo principal dar cumprimento a mandados de prisões de pessoas acusadas pela prática de variados crimes em Araguaína.

 

Conforme a delegada Suraia Carvalho Vilela, titular da Polinter e o Delegado Regional, Bruno Boaventura, titular da 1ª DRPC, responsáveis pela ação, até o momento, foram presas, mediante cumprimentos a mandados de prisões, 31 pessoas acusadas pela prática de crimes de homicídio, tráfico de drogas, roubo, estupro, dentre outros, bem como por não pagamento de pensão alimentícia.

 

Durante os trabalhos policiais foram presos:

Josiel Rosário da Rocha,  24 anos, pelo crime de roubo;

Remildo de Sousa Rodrigues, 37 anos, prisão preventiva;

 Ruzinelte Pereira de Andrade, 32 anos, prisão preventiva;

Henrique Filho Ferreira da Silva, 19 anos, prisão preventiva;

 Wanderson Pinheiro Gomes, 21 anos, prisão preventiva;

Luzivan Felix da Silva, 30 anos, prisão preventiva;

Edivan Alves da Silva, 31 anos, crime roubo;

Luceli ferreira da silva, 51 anos, crime de tráfico;

Dourivan Pereira dos Santos, 67 anos, crime de estupro;

Flavio da Silva Fernandes, 23 anos, roubo;

Jose Miguel da Silva, 68 anos, homicídio;

Ricardo Gomes Farias, 39 anos, prisão preventiva;

Aparecido da Silva Cruz, 34 anos, crime de homicídio;

Luis Gonzaga de Jesus Delmondes,49 anos, prisão preventiva;

Tanira Conceição Silva, 26 anos, crime: organização criminosa c/c porte ilegal de arma de fogo;

Iraci Aires da Silva, 36 anos, prisão preventiva;

Joaci Rodrigues de Souza, 43 anos, crime: atentado violento ao pudor;

Raimundo Nonato de Araujo, prisão preventiva;

Dalvan Cesar Alves Chaves, 30 anos, prisão preventiva;

Kássio Martins Amorim, 23 anos, crime: roubo;

Julio Cesar Rodrigues dos santos, prisão em flagrante, crime: tráfico e associação para o tráfico;

Welton Osorio da Silva, 25 anos, suspensão cautelar da pena;

João Batista Lopes de Freitas, 32 anos, crime homicídio

Ailton Caetano da Mota, 39 anos, descumprimento de pena imposta

Marques de Sousa Rodrigues Júnior, 28 anos, crime: furto qualificado

Lucas Eduardo Duarte da Silva, 22 anos, execução de pena;

Rodrigo de Sousa Luz, 30 anos, execução de pena.

 

Ainda em decorrência das ações da operação Varredura, foram efetuadas as prisões cíveis de:      

 

Eduardo dos Santos Coelho teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a Casa de Prisão Provisória de Araguaína/TO;

Izaias Evangelista da Silva teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

Francisco de Assis Custódio de Sousa  teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

Antonio Martins de Arruda Junior teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

Everaldo Batista da Silva teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

Creusnere Soares de Sousa teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

Eraldo Vigira dos Santos teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

Mailson Rios da Silva teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

Jose Coelho Brito Junior teve sua prisão decretada por decisão judicial, em virtude de não está pagando alimentos aos seus filhos, e em razão disso foi decretado o seu recolhimento junto a CPP de Araguaína/TO;

 

Ainda de acordo com a delegada Suráia Vilela, “a operação varredura está na segunda fase, e retira de circulação pessoas que cometeram diversos crimes e estão em débito com a justiça, e será executada e em todo o estado de foram integrada com as regionais da polícia civil, com o fim de combater firmemente a criminalidade”.

 

para o delegado Bruno Boaventura, as prisões realizadas trazem mais paz e tranquilidade à população de Araguaína e região.

 

Após serem presos, todos os indivíduos foram, após as providências legais cabíveis,  encaminhados à CPP de Araguaína/TO, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.