Palmas, Tocantins -
Na Câmara de Palmas
1.684 visualizações

Áudios vazados de Marilon dizem que dívida deixada por Folha é de quase R$4 milhões

Vereador Folha foi procurado para responder sobre o assunto, mas até o fechamento desta matéria não houve retorno.
- Atualizada em
Vereador Marilon Barbosa diz que Folha deixou dívidas na Casa Divulgação

Áudios vazados do atual presidente da Câmara de Palmas, vereador Marilon Barbosa, afirmam que a ex-gestão da Casa, coordenada pelo vereador Folha Filho, deixou em dívidas cerca de R$4 milhões.

 

Nos áudios, a nova gestão contesta informações de aliados de Folha de que o parlamentar teria deixado R$1,2 milhão em caixa para pagar o concurso público do Legislativo Municipal e outra parte como sugestão para ser aplicado no Banco do Empreendedor. O próprio ex-presidente fez essas afirmações na frente de todos os parlamentares no seu último dia de gestão à frente da Presidência em 31 de dezembro de 2018.

 

Mas segundo Marilon, não há dinheiro em caixa. O vereador ainda fala que para pagar os salários de dezembro agora no mês de janeiro, teve que negociar o adiantamento do duodécimo com a prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro.

 

Em um dos áudios, o atual presidente questiona "quem disse que o Folha deixou  1 milhão? ele deixou foi 4 milhões, mas de dívidas (...) eu paguei foi a folha. 2 milhões e 80 mil reais, adiantando o duodécimo por causa de uma gestão irresponsável".

 

Em outro áudio, Marilon Barbosa diz que se deparou com áudios de origem desconhecida dizendo que o Folha deixou 1,2 milhão em caixa. "Primeiramente eu quero dizer que não é verdade. O que eu encontrei de fato na Câmara foram quase 4 milhões de dívida. Como que ele deixou 1 milhão, se eu paguei 2 milhões e 80 mil reais a folha de pagamento do servidor da câmara em relação ao mês de dezembro? (..) e tem 1 milhão 301 mil reais de processos dentro da Câmara que nós levantamos até agora?".

 

O vereador ainda diz que fará auditoria e relatório e que governará com transparência.

 

Procurado, o vereador Folha ainda não respondeu sobre essas contestações. O T1 apurou que presidente e o ex-presidente se encontraram e conversaram, inclusive com a participação de outros parlamentares, mas ainda não há informação sobre o que teriam tratado.

 

A assessoria de Marilon foi procurada, mas não confirmou que os áudios tenham partido dele, apesar de fontes do Portal confirmarem, com convicção, que são do vereador e vazaram de grupos de WhatsApp.

 

Veja os arquivos

Áudio 1

Áudio 2 

Notícias sobre:

marilon folha