Palmas, Tocantins -

Política


Pandemia
602 visualizações

Bolsonaro é multado pelo Governo do MA por não usar máscara e provocar aglomeração

O episódio ocorreu em Açailândia, município localizado a 566 km de São Luís
- Atualizada em
Descrição: Governador do Maranhão, Flávio Dino/Presidente Jair Bolsonaro 1ª foto: Divulgação/Karlos Geromy / 2ª foto: Divulgação/ Marcelo Camargo

Nesta sexta-feira, 21, o Governo do Maranhão multou o presidente Jair Bolsonaro por provocar aglomeração e não fazer o uso de máscara de proteção no município de Açailândia, que fica localizado a 566 km de São Luís. 

 

A multa foi aplicada pela Superintendência de Vigilância Sanitária (Suvisa) que destaca, no auto de infração sanitária, que houve "descumprimento da obrigação do uso da máscara de proteção como medida farmacológica destinada a contribuir para a contenção e prevenção da Covid-19, em locais de uso coletivo, ainda que privados", além de complementar que "promoveu em evento da Presidência da República, aglomerações sem controle sanitário com mais de 100 pessoas".

 

O documento ressalta que o presidente tem 15 dias para apresentar a sua defesa. 

 

O governador Flávio Dino (PCdoB) implantou regras, por meio de decreto, para a contenção da pandemia do novo coronavírus no Estado, o que inclui distanciamento social e a utilização de máscaras.

 

A chegada do presidente na cidade provocou aglomeração e tumulto. Sem máscara, Bolsonaro cumprimentou apoiadores que ficaram aglomerados em uma grade de proteção, que foi colocada no local. 

 

 

 

Confira o auto de infração sanitária 

 

 

Boletim epidemiológico 

 

Nesta sexta-feira, 21, o Maranhão registrou 1.109 novos casos de Covid-19 e 31 óbitos pela doença, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

 

O total de óbitos é de 7.852, com 283.414 casos registrados em toda a pandemia.

 

Sobre os casos ativos, ou seja, pessoas que estão atualmente com a Covid-19, ainda não apresentam queda e chegaram a 24.345. Desses, 23.026 estão em isolamento domiciliar, 791 internados em enfermarias e 528 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

 

Até o momento, 251.217 pacientes já se recuperaram da Covid-19 no Estado.