Palmas, Tocantins -

Política


Oportunidade
675 visualizações

Câmara de Araguaína aprova concurso do município para 2020 com 400 vagas

O projeto que cria o certame foi aprovado pela Câmara de Vereadores, na semana passada, e deve ser sancionado pelo prefeito Ronaldo Dimas (Podemos) ainda este ano.
- Atualizada em
Imagem ilustrativa

A Prefeitura de Araguaína realizará no próximo ano concurso público para 31 novos cargos e ampliação de vagas já existentes. A previsão é que seja no primeiro semestre de 2020. Ao todo, serão 400 empregos ofertados. O projeto que cria o certame foi aprovado pela Câmara de Vereadores, na semana passada, e deve ser sancionado pelo prefeito Ronaldo Dimas (Podemos) ainda este ano. De acordo com a Assessoria de Comunicação  da prefeitura, o prefeito Ronaldo Dimas (Podemos) vai se reunir, ainda nesta segunda-feira, 9, com representantes do Legislativos para fechar alguns detalhes sobre o projeto.


No mesmo projeto, o Executivo pretende extinguir 65 cargos considerados obsoletos, com um total de 769 vagas nas áreas da saúde, educação e administração. A medida, de acordo a Assessoria de Comunicação do município, visa adequar o quadro de pessoal à atual necessidade dos órgãos e à realidade do trabalho contemporâneo.


A novidade é a criação do cargo de Guarda Municipal, que ofertará 40 vagas. O concurso visa preencher também 240 novas vagas no quadro de professores do município.


Ronaldo Dimas disse que projeto da Guarda Municipal será executado com recursos na ordem de R$ 17,5 milhões, destinados pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, resultado de uma emenda parlamentar do deputado federal Tiago Dimas (SD). O prefeito adianta que, com esses recursos, serão executados a construção da nova sede da Agência de Segurança, Transporte e Trânsito (ASTT), que ficará no antigo prédio do Tiro de Guerra, abrigando a Guarda Municipal.


“Vamos também – explica o prefeito, por intermédio de sua assessoria –, adquirir equipamentos necessários para sua implantação, como viatura, armamento e coletes; parte do montante desses recursos será destinada à implantação do sistema de videomonitoramento municipal, integrante do projeto Araguaína Conectada, que contará com a instalação de câmeras em pontos estratégicos da cidade, selecionados juntamente com as polícias Civil e Militar”.


Novos cargos

 

Os novos cargos criam vagas para profissões mais recentes nos níveis técnico e superior como, por exemplo, para professor com proficiência em Libras, gestão pública, técnico em edificações, terapeuta ocupacional, engenheiro cartográfico, psicólogo, biblioteconomista e outras. No entanto, as profissões já tradicionais, como professor (240 vagas), médico (42) e assistente social (20), concentram o maior número de vagas.


A banca do certame é o Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (IDIB).

 

De acordo com a legislação eleitoral, não há nenhuma restrição para abertura de concursos, lançamento de editais, inscrições ou a realização de provas no período eleitoral. Só existe uma limitação nas nomeações, contratações e admissões dos servidores públicos nos três meses que antecedem a eleição até a posse dos eleitos.