Palmas, Tocantins -
Propaganda em rádio e TV
651 visualizações

Candidatos gravam programas eleitorais; primeiro será exibido na próxima sexta-feira

Desde a semana passada os candidatos têm encaixado em suas agendas de campanha períodos para gravações dos programas eleitorais. Amastha terá o maior tempo de programas entre os candidatos
- Atualizada em
Primeiro programa será exibido nesta sexta Divulgação

Nesta próxima sexta-feira, 18, serão exibidos em rádio e televisão os primeiros programas eleitorais dos candidatos ao governo na eleição suplementar do Tocantins, que acontece em 3 de junho. O plano de mídia da propagando eleitoral gratuita foi definido pelo Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins no último dia 3. Os programas serão exibidos apenas às segundas, quartas e sextas, até o dia 31 de maio.

 

A veiculação no primeiro dia de propaganda gratuita terá como o primeiro programa o da coligação “Reconstruindo o Tocantins”, encabeçada pela candidata Kátia Abreu (PDT). Logo após será o programa da coligação “Governo de Atitude”, do candidato Mauro Carlesse (PHS). Em terceiro lugar entra no ar o programa do PSOL, do candidato Mário Lúcio Avelar e em quarto o do PRTB, que tem por candidato Marcos de Souza. O Rede Sustentabilidade, do candidato Márlon Reis, será o quinto, seguido da coligação “A Verdadeira Mudança”, de Carlos Amastha (PSB), em sexto, e a “Vez dos Tocantinenses”, do candidato Vicentinho Alves (PR) fecha o primeiro dia de programas na TV e rádio.

 

Os programas eleitorais na TV terão duas programações ao dia, sendo das 12h15 às 12h25 e à noite, das 19h20 às 19h30. Já para os programas de rádio serão pela manhã, das 7h15 às 7h25, e das 12h15 às 12h25.

 

Desde a semana passada os candidatos têm encaixado em suas agendas de campanha períodos para gravações dos programas eleitorais. Amastha terá o maior tempo de programas entre os candidatos, sendo 3 minutos e 50 segundos. Em seguida, Kátia Abreu com 2 minutos e 22 segundos. Carlesse terá 2 minutos e 11 segundos e Vicentinho terá 1 minuto e 2 segundos. Mário Lúcio Avelar terá 11 segundos, Marcos Souza terá 10 segundos e Márlon Reis terá oito segundos para falar ao eleitor no rádio e TV. Além dos programas estão previstos 35 minutos de inserções diárias que serão distribuídas ao longo da programação de rádio e TV.