Palmas, Tocantins -
PV na Capital
4.319 visualizações

Gabeira reafirma posição pela descriminalização da maconha e critica Dilma

Segundo o ex-deputado federal a Polícia com o formato atual não está preparada para a legalização do entorpecente e a reforma seria essencial para que a descriminalização não seja um fracasso
- Atualizada em

O ex-deputado federal, jornalista e ícone do Partido Verde (PV) no Brasil, Fernando Gabeira, disse ao Portal T1 Notícias em entrevista após palestra ministrada na Faeat, que a legalização da maconha continua como uma das bandeiras da sigla mas que para legalizar é preciso reformar a Polícia brasileira. Para Gabeira a questão a descriminalização ganhou uma nova dimensão com a entrada do ex-presidente Fernando Henrique (PSDB) e os ex-presidentes da Colômbia e do México César Gaviria e Ernesto Zedillo no debate do tema.

Convidado pelo presidente regional do PV, deputado estadual Marcelo Lelis ,Gabeira proferiu a palestra “O Futuro do Brasil e os Verdes nesse Processo” no auditório da Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (FAET), na tarde desta sexta-feira, 5, em Palmas.

Para Gabeira “a questão da maconha precisa ser redimensionada. É preciso ser discutido também os caminhos necessários e medidas necessárias para que a legalização não seja um fracasso”, afirmou Gabeira.

Segundo Gabeira não adianta liberar o uso do entorpecente se a Polícia brasileira não está preparada para isso. “É preciso fazer a reforma da Polícia pois tal como ela existe hoje no Brasil não consegue nem reprimir nem enfrentar os efeitos colaterais de uma legalização”, frisou Gabeira.

Bandeiras

Em sua palestra, Gabeira falou também sobre o cenário político nacional, meio ambiente e questões sócio-economicas do País. Ele criticou o que considerou o alto número de ministérios do Governo Federal e disse que a presidente Dilma tem praticado ações visando as eleições 2014.

Gabeira apontou ser essencial desenvolver a transparência e fiscalização popular das contas dos governos.

Financiamento de Campanha

Fernando Gabeira abordou ainda o que PV não dá espaço para a corrupção e que quem quer entrar no poder para enriquecer não pode ser parte do projeto político da sigla. Ele frisou ser necessário trazer de volta a credibilidade no meio político e a pesquisa científica como um modo de desenvolvimento seja da área ambiental ou social.