Palmas, Tocantins -
Em Brasília
654 visualizações

MDB passa por renovação após Convenção; Eduardo Gomes assume vaga no Conselho Fiscal

O deputado federal Baleia Rossi (SP) foi eleito presidente do partido, assumindo o cargo antes ocupado pelo senador Romero Jucá.
- Atualizada em
Divulgação

Os emedebistas de todo o Brasil elegeram – com 97% de aprovação –  neste domingo, 06 , em Brasília, durante a Convenção 2019, a nova composição da Executiva Nacional do MDB, que comandará o partido no biênio 2019-2021. Com maior votação proporcional do partido, o MDB será presidido pelo deputado federal Baleia Rossi (SP). O senador Romero Jucá (MDB-RR), o presidente anterior, agora é vogal na Executiva, com direito a voto, mas sem função específica.

 

Do Tocantins, a deputada federal Dulce Miranda ficou como suplente na nova executiva e o senador Eduardo Gomes, no Conselho Fiscal. O senador pelo Estado de Rondônia, Confúcio Moura, assumiu como vice-presidente da sigla. Confúcio é natural de Dianópolis.

 

Convenção

 

O evento, que reuniu lideranças políticas do partido e de aliados, como o presidente da Câmara do Deputados, Rodrigo Maia (RJ), e o presidente do PSDB, Bruno Araújo (PE), marca um novo momento para o MDB. A nova chapa é composta 26 membros titulares e 16 membros suplentes.

 

O novo presidente eleito o deputado Baleia Rossi (SP), defendeu a valorização da militância emedebista, do fortalecimento de cada um dos núcleos do partido e reconexão do partido com os anseios da sociedade. “Temos bandeiras caras, a defesa de democracia é inegociável, mas também queremos buscar mais resultados porque hoje temos 13 milhões de desempregados e 7 milhões que não estudam e não buscam trabalho. Temos grandes desafios, precisamos reinventar, encarar nossos erros, fazer diferente”, pontuou.

 

Romero Jucá destacou o importante momento vivido agora pelo MDB, afirmando que o resultado da convenção enfatiza a unidade do partido. “Entendemos o recado das urnas de 2018. Não podemos nos desviar do nosso destino de fazer história nesse país, como sempre fizemos. Nossa base tem que chegar na ponta. Não tenho dúvida de que seremos o maior partido do Brasil. Temos um sistema que ouvirá e falará a cada um. Para isso é muito importante que os diretórios estaduais e municipais implantem esse sistema”, disse.

 

Aliados

 

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, enfatizou que é preciso ter confiança e orgulho do trabalho realizado pelo partido. “O MDB juntamente com a frente liberal e o PFL consolidaram nossa democracia e nestes últimos anos, o governo de Temer garantiu a transição para uma eleição democrática de 2018. Construiremos um bom futuro reconhecendo nossos erros e acertos. Fizemos muito sob a liderança do presidente Temer, como o teto de gastos, pela primeira vez enfrentamos a ineficiência do estado brasileiro e quem criou isso foi o presidente Temer com o Congresso.

 

Bruno Araújo, presidente nacional do PSDB, destacou a origem democrática do MDB para o país, até como origem de outras legendas. “Não há como pensar na história do Brasil sem a presença sempre constante do MDB. Construímos muito e enquanto estivemos à frente do país tivemos a ajuda do MDB. Estaremos juntos, representando a diversidade, fundamental para o futuro do país. Viva a democracia e vida longa ao MDB!”

 

Homenagem à Ulysses

 

A convenção do MDB foi realizada no dia 6 de outubro, data em que Ulysses Guimarães, emedebista histórico, presidente da Assembleia Nacional Constituinte (ANC), faria 103 anos. Símbolo da luta pela democracia, Ulysses liderou o partido na luta pela redemocratização do País no período da ditadura militar.

 

VEJA A NOVA EXECUTIVA DO MDB:

 

Presidente: BALEIA ROSSI (SP)

1º Vice-Presidente: CONFUCIO MOURA (RO)

2º Vice-Presidente: CARLOS CHIODINI (SC)

3º Vice-Presidente: DANIEL VILELA (GO)

Secretário-Geral: NEWTON CARDOSO JÚNIOR (MG)

1º Secretário: GABRIEL SOUZA (RS)

2º Secretário: WASHINGTON REIS (RJ)

Tesoureiro: MARCELO CASTRO (PI)

Tesoureiro Adjunto: RAUL HENRI (PE)

 

VOGAIS:

 

ALEXANDRO FREITAS SILVA (BA)

CARLOS MARUN (MS)

EDUARDO BRAGA (AM)

EUNICIO OLIVEIRA (CE)

FABIO REIS (SE)

FERNANDO BEZERRA (PE)

FLAVIANO MELO (AC)

HENRIQUE MEIRELLES (SP)

ISNALDO BULHÕES (AL)

JADER BARBALHO (PA)

JOÃO ARRUDA (PR)

JOSÉ MARANHÃO (PB)

LEONARDO PICCIANI (RJ)

OSMAR TERRA (RS)

ROMERO JUCA (RR)

ROSEANA SARNEY (MA)

TETE BEZERRA (MT)

 

SUPLENTES:

 

01 – WALTER ALVES (RN)

02 – DULCE MIRANDA (TO)

03 – LELO COIMBRA (ES)

04 – MARINA RAUPP (RO)

05 – FÁTIMA PELAES (AP)

06 – TADEU FILIPPELLI (DF)

07 – HERCÍLO C. DINIZ (MG)

08 – JOÃO HENRIQUE (PI)

09 – ELCIONE BARBALHO (PA)

10 – JÉSSICA SALES (AC)

11 – MOSES RODRIGEUS (CE)

12 – HERCULANO PASSOS (SP)

13 – RAFAEL PRUDENTE (DF)

14 – PATRÍCIA ALBA (RS)

15 – FRANCISCO DONATO (ES)

16 – WELLINGTON SALGADO (MG)

17 – EDINHO BEZ (SC)

 

 

CONSELHO FISCAL

 

 

                           TITULAR                                                      SUPLENTE

 

01 – MAURO LOPES (MG)                                  01 – VANDERLEI LOURENÇO (MG)

02 – SERGIO SOUZA (PR)                                  02 – ABELARDO LINHRARES BEZERRA (PI)

03 – JOSE PRIANTE (PA)                                    03 – JOEL ERNESTO LOPES MARASCHIN (RS)

04 – MARCOS AURÉLIO (PI)                              04 – FRANCISCO ESCORCIO (MA)

05 – EDUARDO GOMES (TO)                            05 – GERSON GENILSON COLODEL (PR)

 

O Conselho Fiscal é um poder fundamental dentro do partido, sendo o principal responsável pela fiscalização das atividades da entidade, notadamente a gestão financeira da mesma.