Palmas, Tocantins -

Política


Nova Mesa Diretora
2.374 visualizações

Procurado por candidatos, Pedro diz que a Casa deve ser conduzida de forma diferente

Em visita à redação do Portal T1, o recém eleito vereador na Capital, Pedro Cardoso (DEM), afirmou que está ansioso para “poder devolver ao eleitor a confiança com uma atuação diferenciada”.
- Atualizada em
T1 Notícias

Em meio a dois dias de bombardeio nas redes contra o decreto legislativo com o qual a Câmara de Palmas voltou a instituir dois benefícios: o 14º Salário (por assiduidade) e um auxílio representação (conhecido como auxílio-paletó), o recém eleito vereador, Pedro Cardoso, do Democratas, resumiu seu sentimento com relação ao legislativo palmense com uma frase: “acho que temos que conduzir a Casa de forma diferente”.

 

Em visita à redação do Portal T1 Notícias no final da tarde de ontem, 1º, o vereador eleito com a segunda maior votação da Capital, confirmou que já foi procurado por pré-candidatos à presidência da Casa, mas que está aguardando uma conversa entre a base da prefeita Cinthia Ribeiro. “Eu sou da base, estou aguardando quem são os nomes da base da prefeita. Por enquanto não sou candidato (à presidência) e só serei se não me sentir representado”, declarou ele.

 

 

Uma divisão precoce entre o “grupo dos novos” e os veteranos foi desestimulada por ele, mas o vereador eleito acredita que a condução da Casa precisa mudar. “Tem tanta coisa que o legislativo pode fazer. A primeira delas é a transparência. Temos que ter em mente que o eleitor quer isso: saber o que seus vereadores estão fazendo. Então por que não dar acesso ao que acontece dentro do legislativo?” questionou.

 

Ansioso por começar o mandato e “poder devolver ao eleitor a confiança com uma atuação diferenciada”, nas suas palavras, Pedro disse que tem conversado com vários colegas que foram eleitos mês passado e se preparado para começar o mandato com boas idéias e pé no chão.

 

Na base de Cinthia Ribeiro, ele espera poder atender melhor as pessoas que o elegeram. “Fui eleito no Democratas, com o apoio da professora Dorinha, que é uma das parlamentares mais respeitadas do Brasil, com o apoio do meu grupo político, com a base da prefeita e não tenho por que agir diferente”, finalizou.