Palmas, Tocantins -

Política


Política
337 visualizações

PSB de Amastha reforça aliança com PL e reitera apoio a Marcus Marcelo em Araguaína

O ex-prefeito de Palmas Carlos Amasta, presidente regional do PSB, reforça acordo com PL e não mão da candidatura de Marcus Marcelo à prefeitura de Araguaína, com ou sem o apoio de Ronaldo Dimas
- Atualizada em
Descrição: Vereador Marcus Marcelo Reprodução

O presidente regional do PSB, ex-prefeito de Palmas Carlos Amastha, garante que o seu partido está fechado com o PL do deputado Vicentinho Júnior, não apenas para a disputa eleitoral deste ano em Palmas e Araguaína, mas no Estado como um todo. “O nosso projeto não é apenas eleitoral, é de gestão pública; e é nesse sentido que estamos discutindo com o PL, cuja liderança do deputado Vicentinho tem demonstrado coerência nas posições que tem defendido enquanto oposição ao governo estadual”, avaliou o socialista, em conversa com o T1 Notícias nesta quarta-feira, 12, para falar de sucessões em 2020.

 

Sobre Araguaína, em que pese a postergação do prefeito Ronaldo Dimas (Podemos) na definição de um nome como pré-candidato à sua sucessão, Amastha é categórico em afirmar que o PSB está decidido a apoiar o pré-candidato do PL, vereador Marcus Marcelo, que disputa internamente no grupo do prefeito a preferência pela indicação.

 

O presidente do PSB é um aliado político de Ronaldo Dimas, mas acha que ele não tem mais motivos para ficar adiando a definição sobre nome do grupo, “afinal, temos 45 dias do prazo final da janela partidária e se a decisão for jogada para o final de março corre-se o risco de desgastes”, analisa Amastha ao declarar que vai para o palanque de Marcus Marcelo com o apoio ou não de Dimas. “Com Dimas, seria bem mais fácil”, pondera.

 

Além de Marcus, o grupo de Dimas ainda tem as pré-candidaturas do deputado estadual Elenil da Penha (MDB), do chefe de gabinete do prefeito, Wagner Rodrigues (SD), e do presidente da Câmara de Araguaína, Aldair da Costa Sousa, o Gipão.

 

O ex-prefeito de Palmas, de forma cautelosa para não gerar melindres, faz elogios a Dimas e diz que Marcus é o melhor preparado para suceder o prefeito de Araguaína.  “O que faltou de brilho nas gestões de Dimas pode ser encontrado em Marcus”. E acrescenta: “acho ele muito preparado como político e como gestor”.

 

Limites

 

A indecisão pela definição do nome no grupo como pré-candidato a prefeito tem deixado Marcus Marcelo impaciente.  Recentemente, ele questionou a coerência das lideranças que fazem parte do grupo político de Dimas. Chegou a admitir que existem dissensões dentro do grupo e gente que, segundo ele, aposta em desavenças internas.

 

Na semana que passou, ele foi à tribuna da Câmara de vereadores para reiterar a sua pré-candidatura. “Venho nesta tribuna dizer que sou pré-candidato a prefeito de Araguaína e tenho convicção que o prefeito Dimas vai avaliar todo o quadro, daqui pra julho”.