Palmas, Tocantins -
Impasse
889 visualizações

PSB se articula para saída de Marilon; Vereador diz que não deixará partido

Ao T1 Notícias o vereador disse que ficou da intenção do partido pela imprensa e que desconhecia a insatisfação da militância com ele.
- Atualizada em
Reprodução

Marilon Barbosa (PSB), atual presidente da Câmara Municipal, afirmou ao T1 Notícias que não tem intenção de deixar o Partido Socialista Brasileiro do qual faz parte. Segundo notícia veiculada na mídia local, o partido se reuniu no último dia 26 e abriu um destaque para que o parlamentar deixe a sigla. 

 

Segundo Marilon Barbosa, ele soube dessa intenção do partido por meio da imprensa."Eu não estava sabendo desse descontentamento da militância comigo, fiquei sabendo pela imprensa. Se eles estão insatisfeitos, eu estou aberto ao diálogo para que eles possam tomar as providências que acharem mais corretas, mas eu prefiro ter o diálogo do partido" comentou. 

 

A sigla é atualmente presidida pelo ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha, de quem Marilon já foi bem próximo. O vereador chegou a defender, inclusive, a reeleição de Amastha no pleito de 2016.

 

"Nós temos nossas divergências em algumas questões políticas, mas eu não tenho nada contra ele e pra mim ele é uma pessoa boa e não tenho nenhuma restrição a ele ou qualquer pessoa do partido" finalizou. 

 

Eleições 2020

 

O PSB chegou a anunciar no último dia 24 que até o dia 4 de outubro anunciará oficialmente o seu candidato à prefeitura de Palmas. Até o momento o partido conta com três pré-candidatos o vereador Tiago Andrino, o deputado estadual Ricardo Ayres e o professor Alan Barbieiro.

Notícias sobre:

psb marilonbarbosa carlosamastha