Palmas, Tocantins -
Justiça Eleitoral
1.367 visualizações

PT Nacional vai recorrer ao TSE contra decisão do TRE de deferir coligação de Amastha

Parte dos filiados do PT Tocantins entende que a interpretação do TRE contraria a própria Lei que diz que o partido defina com quem deve coligar-se
- Atualizada em
Donizeti do PT informa que Nacional irá recorrer da decisão do TRE Divulgação

Correligionários do Diretório Regional no Tocantins do Partido dos Trabalhadores informaram ao Portal T1 Notícias que a sigla irá recorrer através do advogado da Nacional ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de deferir o registro da coligação “A Verdadeira Mudança”, do PT com o PSB de Carlos Amastha, contrariando orientação da Nacional do PT. A decisão é desta segunda-feira, 14.

 

A informação é de uma das principais lideranças do partido no Tocantins, Donizeti Nogueira, que disse ao T1 por telefone na noite desta segunda-feira, 14, que o PT Nacional irá recorrer por entender que “essa interpretação que o TRE fez da lei não condiz com aquilo que a própria lei permite, que é o Partido dos Trabalhadores definir de que forma que seriam conduzidas as alianças”.

 

Segundo ele, 70% do PT está na campanha da senadora e candidata ao governo Kátia Abreu e que a base rural do partido, sua maior força, também está com a candidata que foi a indicação da Nacional para ser seguida no Tocantins. “O partido não vai passar esse recibo de ser ingrato com quem ajudou na hora mais difícil a presidente Dilma Roussef e por consequência o próprio PT”, declarou.

Notícias sobre:

coligação pt amastha