Palmas, Tocantins -
Eleições Suplementares
1.127 visualizações

PV deve anunciar, nesta quarta, apoio a Vicentinho: bases foram consultadas ontem

PV abriu diálogo com Vicente Alves e Kátia Abreu nos últimos dias e deve anunciar hoje apoio ao senador e presidente do PR. Prefeitos, líderes e membros da executiva foram ouvidos por Cláudia Lelis
- Atualizada em
Vicentinho deve receber apoio do PV, de Cláudia Lelis Divulgação

Um movimento intenso marcou a agenda da ex-vice-governadora Cláudia Lelis durante todo o dia de ontem, terça-feira, 15, na casa dela em Palmas. A presidente do PV chamou as principais lideranças do partido, membros do diretório do PV, para ouvi-los sobre o rumo que o partido seguirá nesta eleição suplementar no Tocantins.

 

Nos bastidores, a informação é que Cláudia aguardou até a última hora por uma liminar que devolvesse o comando do Estado ao ex-governador Marcelo Miranda (MDB). Com a demora na manifestação dentro do novo recurso apresentado, o partido abriu conversações com os candidatos mais próximos à agremiação. Além de conversar com o senador Vicentinho Alves (PR), Cláudia Lelis e o ex-deputado Marcelo Lelis receberam também a senadora Kátia Abreu (PDT) nos últimos dias, para discutir o projeto de cada um para o Estado e ainda a participação do PV na campanha.

 

Com a conversação bem adiantada, a maioria dos líderes optou por acompanhar o senador Vicentinho Alves, conforme apurado na noite de ontem pelo Portal T1 Notícias. Nesta quarta-feira, 16, o partido se reúne e deve convidar o candidato a governador para se dirigir à sede do partido onde o apoio será oficializado.

 

Dificuldades com Kátia

 

Apesar da simpatia pessoal de Cláudia Lelis pela senadora Kátia Abreu, alguns fatores dificultaram a aliança, que foi buscada arduamente nos últimos dias pelo ex-secretário Adjair de Lima, um dos principais articuladores da candidatura da senadora. O fato do ex-prefeito da Capital, Raul Filho (PSD) comandar a campanha em Palmas foi visto como um impeditivo. A possível linha crítica da senadora em desconstruir o trabalho prestado pelo ex-governador Marcelo Miranda, de quem Cláudia Lelis foi vice, também teria pesado na hora da decisão.

 

O apoio do Partido Verde a Vicentinho Alves chega num momento importante da campanha, em que o ex-prefeito de Palmas teve ontem seu registro de candidatura indeferido pelo TRE. A campanha de Vicentinho em Palmas terá o reforço dos Lelis, que tem grupo forte na Capital tendo alcançado votações expressivas nas duas últimas eleições municipais. Na última delas, mesmo com todo desgaste sofrido à época pelo governo Miranda, o partido lançou Cláudia Lelis e impediu a dispersão de seu grupo político em Palmas.

 

O anúncio do apoio é aguardado para esta tarde.