Palmas, Tocantins -
Eleição suplementar no TO
3.194 visualizações

Resumão das convenções: 7 partidos lançam nomes; registro de candidatos é nesta 2ª

Rede Sustentabilidade e PSOL fizeram suas convenções no sábado e PR, PDT, PHS, PSB e PRTB neste domingo
- Atualizada em
Sete nomes são anunciados à disputa pelo comando do Palácio Araguaia Divulgação/Pinterest

Neste final de semana, dias 21 e 22, Palmas sediou várias convenções partidárias, em diversos pontos da cidade. Após o final da noite de ontem, o saldo foi de sete partidos que lançaram candidatos para concorrer aos cargos de governador e vice na eleição suplementar que acontece no dia 3 de junho, no Tocantins.

 

Rede Sustentabilidade e PSOL fizeram suas convenções no sábado e PR, PDT, PHS, PSB e PRTB neste domingo. Os candidatos anunciados foram Márlon Reis (Rede), Mario Lúcio Avelar (PSOL), Vicentinho Alves (PR), Kátia Abreu (PDT), Mauro Carlesse (PHS), Carlos Amastha (PSB) e Marcos de Souza (PRTB).

 

Esta segunda-feira, 23, é o único dia que os partidos e coligações terão para registrar os candidatos junto ao Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins, das 8h às 19h. Os pedidos de registro de candidatura serão julgados no dia 18 de maio.

 

Conforme o calendário eleitoral do TRE, nesta semana, na terça-feira, 24, começa a propaganda eleitoral e também é o último prazo a Justiça publicar a lista com os pedidos de registro de candidatos. Na quinta-feira, 26, é o último prazo para o próprio candidato requerer seu registro, se o partido ou a coligação não fizer.

 

Resumão das convenções

 

Márlon Reis

 

Acompanhado por amigos, correligionários e simpatizantes, o ex-juiz Márlon Reis (Rede) lançou sua candidatura ao Governo do Tocantins, nas eleições suplementares de 3 de junho, em convenção​ estadual do Rede, realizada em Palmas na tarde de sábado, 21. O candidato destacou que pretende fazer uma campanha com base de apoio no voluntariado e de baixo investimento, apostando nas redes sociais.

 

Márlon Reis anunciou neste domingo, 22, o seu vice na chapa da sigla. O ex-comandante-geral da Polícia Militar do Tocantins, Edvan de Jesus Silva foi o nome escolhido. Coronel Edvan comandou a PM neste último governo de Marcelo Miranda (MDB), entre novembro do ano passado até março deste ano, quando ocorreu a cassação do ex-governador pelo TSE.

 

Mario Lucio Avelar

 

O advogado e economista Mario Lucio Avelar (PSOL), que já foi promotor de Justiça no Tocantins e atuou como procurador da República, foi lançado candidato neste sábado, 21, em evento na Câmara de Vereadores de Palmas. Esta é a primeira vez que o candidato que o candidato concorre em eleições.

 

Vicentinho Alves

 

O PR lançou na noite deste domingo, 22, o senador Vicentinho Alves para governador do Estado nas eleições suplementares, com Divino Bethânia (PROS) como vice-governador na chapa. 

 

Em convenção política realizada no auditório da ATM, neste domingo 22, Vicentinho contou com a presença de vários prefeitos e vices do interior do Estado, como o prefeito de Paraíso do Tocantins, Moisés Avelino (MDB), do ex-deputado federal Eduardo Gomes (SD), do deputado estadual Valdemar Júnior (MDB) e da deputada federal Josi Nunes (PROS), além de várias outras autoridades.

 

A coligação do senador está entre as amplas entre os candidatos anunciados. Vicentinho informou que começa sua caminhada pelo Tocantins já nesta terça-feira, 24.

 

Kátia Abreu

 

A senadora Kátia Abreu confirmou ontem seu nome na disputa pelo governo do Estado nas eleições suplementares do dia 3 de junho. A senadora exauriu todas as tentativas de ter o PT ao seu lado, mas mais tarde, o Partido dos Trabalhadores preferiu ficar com Carlos Amastha, na indicação de vice.  

 

O deputado estadual Osires Damaso retirou sua pré-candidatura a majoritária para apoiar Kátia Abreu e quem também poderia declarar apoio à senadora, após não conseguir emplacar sua candidatura, seria o senador Ataídes Oliveira (PSDB), que infomou em nota na noite de ontem que o "PSDB-TO não participará das eleições suplementares ao Governo do Tocantins, que acontecerão em 3 de junho e consequentemente não coligará com nenhum partido, ficando seus membros livres para apoiar os candidatos de sua preferência".

 

Mauro Carlesse

 

Com o apoio de vários partidos, o PHS lançou na tarde deste domingo, 22, em convenção na Assembleia Legislativa, em Palmas, o nome do governador interino Mauro Carlesse como o candidato da sigla às eleições suplementares no Tocantins.

 

Carlesse foi recebido pelo ex-governador Siqueira Campos, pelo deputado estadual Eduardo Siqueira Campos e pela deputada federal Professora Dorinha, todos membros do Democratas, sigla que anunciou apoio à candidatura do governador. Carlesse também recebeu o apoio do PRB, do deputado federal César Halum, que acompanha o evento na Assembleia. Do PP, o deputado federal Lázaro Botelho e a deputada estadual Valderez Castelo Branco, também acompanham Carlesse na convenção, além do deputado estadual Eduardo Bonagura, do PPS, que também já havia anunciado apoio a Carlesse. Os deputados Eli Borges e Rocha Miranda também acompanham o evento. No final da tarde a presidente da Assembleia Legislativa, Luana Ribeiro, e o deputado estadual Olyntho Neto, ambos do PSDB, chegaram ao evento.

 

Na ocasião, Carlesse garantiu que sua candidatura não vai atrapalhar sua gestão como governador interino. “Tenho uma equipe muito preparada, que não vai deixar o Estado parar”, afirmou.

 

Carlos Amastha

 

Depois de um dia intenso de discussões o Partido dos Trabalhadores fechou a noite referendando apoio ao PSB, indicando o advogado e histórico petista Célio Moura, de Araguaína, candidato a vice governador na chapa do ex-prefeito Carlos Amastha.

 

O partido já era esperado na convenção do PSB. Célio Moura chegou a ser indicado para a chapa da senadora Kátia Abreu, que recusou a indicação.

 

Com a praça do Espaço Cultural lotada, a Convenção do PSB e partidos aliados, o ex-prefeito de Palmas discursou após chegar acompanhado da prefeita Cinthia Ribeiro, da sua esposa Glô Amastha e aliados por volta das 19h10 da noite deste domingo, 22.

 

Marcos de Souza

 

Em convenção realizada na noite de ontem, o PRTB lançou o empresário Marcos de Souza, que já foi vice-presidente da Associação Comercial e Industrial de Palmas por dois mandatos.